terça-feira, 31 de março de 2015

5 dicas quentes para apimentar a relação e melhorar o sexo

Seja em namoro recente ou relação duradoura, sugestões ajudam a reacender a paixão e a não deixar o prazer a dois em segundo plano
5 dicas quentes para apimentar a relação e melhorar o sexo Daily Mail/Reprodução
O mito da Mulher Maravilha que comanda a vida impecável e equilibra numa boa as demandas diárias do trabalho, da vida sexual com o marido e da educação dos filhos, graças a Deus, caducou. E mulheres de carne e osso erram, falham e tentam fazer somente aquilo que está ao alcance das mãos e não abraçar o mundo com as pernas. Quando o assunto é sexo e prazer, então, a preguiça, o cansaço e a correria são verdadeiros vilões e acabam por ser responsáveis pelas negativas constantes ao parceiro.
Para ajudar a trazer o desejo de volta para a sua vida e fazer você chegar ao clímax sem a intenção de transformar ninguém em ninfomaníaco, a sexóloga Carla Cecarello elaborou cinco dicas simples para serem executadas diariamente e que podem ajudar a tornar o sexo novamente uma curtição e não mais uma tarefa da agenda a ser cumprida.

Confira abaixo:
1) Troque mensagens picantes e de duplo sentido

– A ideia aqui é ir preparando o parceiro para mais tarde. Tanto ele quanto ela ficam com uma vontade enorme de voltar logo para casa ou de encontrar o quanto antes com o parceiro para transar e colocar em prática toda a sacanagem fantasiada por conta das mensagens trocadas ao longo do dia. No caso dos homens, eles gostam de sentir e de ter parceiras que eles percebem que são participativas e bem-humoradas em relação ao sexo.
2) Na hora do banho, convide o cônjuge para tomar com você


– Ensaboe o corpo todo dele com um sabonete bem cheiroso. Faça toques leves e lentos. Depois peça a ela que faça o mesmo no seu corpo. Mas, tudo isso, sem tocar nos genitais, para dar mais emoção à situação. Depois se abracem e deslizem o corpo um no outro e se beijem loucamente. Nesta hora, procure encostar bem os genitais. Sentir os corpos, as curvas, é algo provocador e que excita bastante. É uma forma de descontrair e de baixar a ansiedade de ambos, além, é claro, de deixar o estímulo e a ereção, assim como a lubrificação, super em alta e a ponto de bala para a relação.

3) Mulheres, estimulem a fantasia de forma simples

– Deixe escrito com batom no espelho do banheiro um agrado sensual. Coloque uma calcinha no bolso do paletó dele. Apareça para almoçar com ele e diga que está sem calcinha. Todas essas situações dão indícios de que você quer alguma coisa ligada a sexo, e tudo aquilo que não é direto, mas está nas entrelinhas, atrai. Os homens gostam de se sentir seduzidos tanto quanto as mulheres. Isso para eles é sinônimo de sacanagem à vista!
4) Acessórios? Mas converse ou sonde o outro antes de levar!

– Trazer acessórios para a relação é sempre bom, porém é importante que o casal converse antes para que nem um e nem outro se sinta ameaçado pelo uso desses brinquedinhos na relação. Procure saber como que a parceria pensa e sente caso venha a existir entre o casal um brinquedo erótico. Caso seja receptiva, há vários que podem ser bem divertidos, como vibradores de clitóris que são colocados no pênis, ou até mesmo, gel para massagem e roupas que estimulem a fantasia erótica do casal. Mas não esqueça: diálogo sempre!
5) Mude o cenário e fuja do convencional

– Marque com o parceiro ou a parceira um encontro em um motel ou em algum lugar bem diferente daquele em que vocês estejam acostumados a transar. Agende sem contar o que vai acontecer lá. Mantenha a surpresa! No caso da parceira, chegue antes e esteja preparada com uma linda lingerie, luz adequada, música, e aí a diversão fica por conta da imaginação. Esse tipo de atitude faz com que os homens simplesmente vão ao delírio, pois adoram situações inusitadas e surpresas, principalmente em se tratando de sexo. Isso mostra o quanto a parceira pensou em sexo, trabalhou sobre a situação, mostrou atitude e pensou no casal. Ele se sente valorizado!






                   Blog de Deusa / ZH




Postar um comentário