domingo, 26 de julho de 2015

Dicas de Deusa - Trate infecções e outros problemas com o chá de pau d’arco

                   Trate infecções e outros problemas com o chá de pau d’arco

A planta  conhecida como pau d’arco é nativa da América do Sul e desenvolve-se bem em localidades de clima tropical e subtropical, como Sul da Flórida, Norte do México, Norte da Argentina, entre outros. A árvore, também conhecida como tahibo ou trompete, tem altura entre 16 e incríveis 160 metros, dependendo da espécie. Algumas delas possuem flores com cores variadas, mas a casca da espécie impetiginosa tabebuia  é muito interessante para aqueles que apreciam a medicina alternativa.

Benefícios e propriedades
A casca interna de pau d’arco pode ser usada para o preparo de um chá cujo aroma é agradável, além de coloração avermelhada. Possui dois fitoquímicos que auxiliam no tratamento de várias doenças: o lapachol e beta-lapachona.
Um dos usos mais populares é devido às propriedades antifúngicas, sendo excelente para o tratamento de infecções causadas por fungos, podendo ser usada para o tratamento, por exemplo, de micoses, pé de atleta e até mesmo fungo nas unhas. É ainda estimulante do sistema imunológico e, graças às propriedades antivirais, pode ser usado ainda no tratamento da gripe, síndrome da fadiga crônica, mononucleose e vírus de Epstein-Barr.
É um excelente anti-inflamatório e, por isso, pode ser usado para problemas inflamatórios no estômago e intestinos, sendo excelente para síndrome do intestino irritável, colite, além de reumatismo e fibromialgia.

Tem propriedades antitumorais, diurética, antioxidante e antibiótica além das citadas. Graças às suas propriedades, essa planta pode ser usada para o tratamento de leucemia, câncer, infecções por HIV, anemia, infecção na próstata, mioma, quisto nos ovários, entre outras.

Como preparar o chá de pau d’arco?
Para preparar o chá, você vai precisar de:

Meia colher de sopa de Pau d’Arco
Uma xícara de água
Em um recipiente, coloque a água e leve ao fogo. Quando começar a ferver, adicione as cascas de pau d’arco e tampe, deixando repousar por aproximadamente 10 minutos. A dose indicada é de uma xícara, duas vezes ao dia.

Contraindicações e precauções
Assim como qualquer medicamento natural ou industrializado, o chá de pau d’arco tem contraindicações e efeitos colaterais. O chá é contraindicado para pacientes gestantes e mulheres em período de amamentação. Entre os efeitos colaterais, encontram-se a urticária, tonturas, náuseas, vômitos e diarreia.


Antes de usar qualquer medicamento, mesmo que natural, consulte um médico. Até mesmo as plantas podem apresentar interações medicamentosas e devem ser usadas somente sob orientação médica.





              Blog de Deusa / Remédios caseiros





Postar um comentário