sexta-feira, 22 de maio de 2015

O ESMALTE VERMELHO IDEAL PARA CADA TOM DE PELE

"Vermelhos muito escuros não ficam bem em quem tem a pele muito clara e vice-versa", explica o visagista Philip Hallawell
Esmalte vermelho é um daqueles itens de beleza que as adeptas não trocam por nada. A cor é um símbolo de feminilidade que costuma ser companhia desde um dia comum no escritório até uma importante noite. Como nunca sai de moda, é valido saber qual tom fica melhor em cada pele para acertar na escolha daqui para frente.

Segundo o visagista Philip Hallawell, não importa tanto se a pessoa é branca, morena ou negra, o que fará diferença na busca pelo esmalte vermelho perfeito é o tom de fundo da pele. O profissional afirma que quem tem o fundo da pele mais frio se dá melhor com cores igualmente frias e que a mesma coisa acontece com mulheres de pele quente.

Antes de tudo, descubra qual é o tom base da pele

Para descobrir o seu, Philip cita que existem várias formas, como usar tecidos ou moedas próximas à pele, mas nada tão fácil como sua dica: "basta observar o comportamento da pele após se expor ao sol. Se ela fica dourada ou acobreada é porque a pessoa tem o fundo quente. Já quem fica vermelho ou cor de café e descasca logo em seguida voltando para o antigo tom tem a base da pele fria", explica.

Melancia e arroxeados para quem tem fundo frio

Mulheres dessa categoria tendem a ter o rosa como tom predominante na pele, o que também acontece com os esmaltes. Para essas moçoilas, tons como o melancia se encaixam perfeitamente e, em direção aos mais escuros, os vermelhos de fundo roxo são a melhor opção.

Vermelhos amarronzados para quem tem pele quente

Segundo Philip, os tons abertos e alaranjados se encaixam perfeitamente nessas mulheres. Para um visual mais sofisticado e noturno, os vermelhos amarronzados são uma boa escolha e ajudam a manter a naturalidade do esmalte nas mãos.

Fuja dos contrastes


O único fator que precisa ser observado além do tom de fundo são os contrastes. "Vermelhos muito escuros não ficam bem em quem tem a pele bastante clara e vice-versa", explica o profissional, que diz que o equilíbrio entre as duas coisas é o melhor caminho.

Tudo é permitido nos detalhes

A regra do mesmo fundo para esmaltes e pele pode ser violada se a cor contrastante estiver sendo usada apenas em algum detalhe de unhas decoradas: "ao fazer um desenho, uma mulher com a base da pele fria pode tranquilamente usar um vermelho mais alaranjado, basta manter a cor predominante da unha com esmalte frio", revela



                  Blog de Deusa  / Make






Postar um comentário